7 de jun de 2010

Por escrito

Com a voz contida entre aspas, ela apertava o sorriso entre parênteses, tentando disfarçar as emoções entre vírgulas. Baixava os olhos pra não se revelar nas entrelinhas.

(ST)
Postar um comentário