23 de dez de 2017

14 de dez de 2017

quinta-feira

Ainda é noite quando os primeiros carros começam a estacionar na rua ao lado do prédio. O zum-zum-zum de palavras indecifráveis e de barracas sendo armadas entra pela fresta da janela, se espalha, abafado, pelo quarto, e me leva, em vigília, para um quase sonho. De repente estou numa rua antiga, outra feira, minha avó mordendo o perfume vermelho das maçãs, e eu, tão pequena, experimentando a felicidade com gosto de maria-mole.

11 de dez de 2017

dezembro

tempo dos verbos
trocar [presentes]
celebrar [encontros]
lembrar [dos ausentes]

noites de festa
e rituais [natais]
de novo [ano novo]

mês que rima
alegria e melancolia:
no avesso do final
um recomeço

é assim
[desde que me lembro]:
a saudade mora
em dezembro