4 de abr de 2012

Reforma (2)

 
Nada como uma reforma doméstica pra gente se sentir exatamente assim: desmanchando junto com as paredes. 

2 comentários:

Eunícia disse...

Perfeito!
Tenho me sentido assim desde Fevereiro, pois em Janeiro as marteladas eram esperança de uma obra idealizada por 10 anos. Hoje, com prazos prorrogados e sem noção de entrega, MINHA Mafalda já sequer tem todos esses pontinhos...

Solidarizo-me!
:)

Eunícia disse...

Perfeito!
Tenho me sentido assim desde Fevereiro, pois em Janeiro as marteladas eram esperança de uma obra idealizada por 10 anos. Hoje, com prazos prorrogados e sem noção de entrega, MINHA Mafalda já sequer tem todos esses pontinhos...

Solidarizo-me!
:)