10 de ago de 2011

Pé de sol


O céu amanheceu de cara fechada
O sol fugiu e se plantou na calçada

5 comentários:

Caleidoscópio disse...

Que lindo!!!

Eunícia disse...

:)

Leda Lucas disse...

Lindos o pé de sol e o poema!
Também, ontem, dia 10/08, apesar do dia fosco, atravessei a rua e fui em busca do sol esplendoroso que alojou-se inteiro nesta pequena árvore, no bairro de Perdizes.
Abraço.

déborah disse...

Esqueci todos os problemas.
Todo dia faz sol no seus poemas.

beijos, querida!

Márcia disse...

Lindo! adorei.
bjs, Márcia.