29 de mar de 2013

Céu

A mãe chama uma vez, e de novo, e lá do caixa avisa que não vai comprar mais nenhum ovo. Mas o pequeno continua parado no meio do corredor, olhos gulosamente grudados nas estrelas de chocolate, brilhando no céu do supermercado.
Postar um comentário