24 de ago de 2012

Eu me lembro

A vila de sobradinhos geminados, a calçada estreita, a rua de paralelepípedo, o canteiro de gerânios vermelhos, a porta com janelinha de vidro atrás da grade, o sorriso da avó abrindo a janelinha, a sala apertada, os móveis escuros, a poltrona grande com pata de cavalo, a mesa de madeira, e a menina sentada no chão, debaixo da mesa-casinha, apartando a briga da boneca loira com a morena por causa do vestido vermelho de bolinhas brancas.

4 comentários:

Janette disse...

Fofa!

maupue disse...

Prezada Silvana,
Hoje pela manhã, minha esposa como de costume, me pediu para relaizar os desenhos da escola que meu filho de três anos costuma pintar, porém fui surpreendido que o desenho deveria ser retirado da história que mais a criança se identificou no livro "O lugar das coisas" e confesso que eu e mnha esposa adoramos o seu trabalho. Muito obrigado mesmo, depois não pude deixar de conhecer seu blog e pretendo visitá-la mais vezes e perticipar sempre que possível. Se puder dê uma olhada no site www.maupue.com em duas poesias infantis, ogrigado em nome da minha família pela linda arte expressa aqui.

Nina disse...

Minha infância também foi assim.
Abraços.

Silvana Tavano disse...

Maupue, obrigada! Não consegui acessar seu site, talvez seja alguma encrenca temporária, rss... vou continuar tentando,
beijo!