18 de jun de 2012

Velhinhas simpáticas

"Assim como os seres vivos, as palavras também envelhecem. Alguns vocábulos tornam-se melhores com a idade, adquirindo cada vez mais significados e popularidade, ao passo que outros acabam caducando, praticamente sumindo do vocabulário ou sobrevivendo com sentidos distintos do original".
...
Lendo a matéria "A Idade das Palavras", publicada na revista Língua Portuguesa, pensei no quanto gosto da companhia de certas velhinhas: supimpa, esplendor, quiprocó, obtuso, tolice, parvo e bacana, por exemplo -- não são adoráveis?

Um comentário:

Huaína Kélvia disse...

Realmente adoráveis!