22 de jul de 2009

De bico fechado


No meio de uma pesquisa para uma matéria, entrei num site sobre pássaros que estão praticamente extintos na natureza, como esse da foto, o Bicudo, catalogado como "criticamente em perigo". Hoje em dia é bem difícil encontrar um bicudo nos endereços tradicionais -- Mato Grosso do Sul, Goiás, Minas Gerais e oeste da Bahia. Essa turma sobrevive em cativeiro e se reproduz nas gaiolas dos criadores -- por causa do seu canto melodioso e flauteado, o bicudo é uma espécie de astro de campeonatos de canto, dom e glória que, perversamente, estão contribuindo pro seu sumiço na natureza.
...
Fiquei pensando numa história: cada dia mais triste, o bicudo foi perdendo a vontade de cantar. Os dias eram iguais, a vida sem graça dentro da gaiola, nada em volta pra se inspirar, já não tinha motivo pra soltar aqueles gorjeios cheios de tralalá. De fora, o dono observava, apreensivo -- será que ele tinha enjoado da ração? Então, inesperadamente e só de vez em quando, animado pelo sol forte, abaixava o rabo e fazia sua melhor pose de barítono: peito pra frente, bico empinado, ensaiava uns compassos, tentava novas harmonias, mas a coisa já não engrenava como antes. Pouco a pouco, foi emudecendo até nunca mais sair da gaiola pra participar dos torneios. Esqueceu todo o seu repertório e de tudo o mais -- das paisagens, dos voos sem destino, da vida nômade e até do nome pomposo da família, Oryzoborus Maximiliani. Por ironia do destino, seu apelido ganhou outro significado: continuou vivendo calado e bicudo.

(Silvana Tavano)

4 comentários:

Cmoon... disse...

Sil, adoro pássaros...pássaros negros, bicudos, de todas as espécies.
Seu texto me fez voar para bem longe...lindo, lindo, sensível!
Obrigada pelo texto que é um presente para quem lê...
bj
:)

Letícia Volponi disse...

De olhos fechados, dá para sonhar o que sonha o bicudo, o vento correndo sobre as asas enquanto estas cortam o ar... lá em cima, onde o homem não consegue chegar sozinho

may disse...

Muito legal.Próximo livro?
beijo
may

Camila Brito Paula e Cinthia Behr disse...

Sil, taí, o bicudo poderia também fazer uma foto do "antes" e "depois"..... :)
Adorei o café de ontem!
Bjs, Cinthia
www.paisagismoburiti.blogspot.com