26 de dez de 2012

Verão

O dia tem preguiça de ir embora
E a noite perde a hora
De escurecer

Quase esquece de ser noite
E arde sob o sol invisível 
Inquieta, impedida
De adormecer


Postar um comentário